<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d15754125\x26blogName\x3ddaquilo+que+vibra\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://doverbovibrar.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_BR\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://doverbovibrar.blogspot.com/\x26vt\x3d2615184620448930177', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

daquilo que vibra

poesia, opinião e devaneios; ou tudo isso junto e temperado

quarta-feira, setembro 28, 2005

Física?


"Tá rolando um festival de cinema aqui no Rio que é como se fosse a Feira do Livro aí de POA. É um lance que mobiliza toda a cidade, e fica o maior cheiro bom de cultura no ar.
Hoje eu fui com o Hodo assistir a um filme, e teve uma parte que me lembrou, de certa forma, vc. Era um filme sobre umas teorias de física quântica (!), coisas que pessoas como nós já acreditam a muito tempo. Coisas do tipo "pensamento positivo", "todas as coisas são feitas de energia", etc. Só que a física está começando a provar isto cientificamente."

Mauro acha isso. E depois de quase dois anos ele lembra da amiga dele aqui, graças à Física Quântica.

E o André acha isso:

"É possivel que se descubra um tempo imaginário perpendicular ao tempo real. Então, não haveria princípio nem fim. O espaço existiria independente de criar-se ou destruir-se"

(Stephen Hawking - físico, aquele tortinho na cadeira de rodas.)
achei bem legal, não sei se vc gosta de teorias fisicas, mas me fez lembrar de vc.

Bom, depois destas duas bizarras lembranças, na mesma semana, estou pensando seriamente em entrar para este mundo. Logo eu. Hahahahaha.

Tá, tá certo que quando percebo estou filosofando sobre os mais inusitados assuntos. Já devo ter falado em física e nem percebi. Ou sou parecida com o Einstein.